Online

Temos 43 visitantes em linha


Reprodutor de Música (Abre numa nova janela)

ipv6 readyipv6 ready

O site Rickyunic World™ já pode ser acedido pelo protocolo IPv6

Patrocinadores

Sponsors: Internacional Área Sponsors: IA Farma

Home Saúde Sexual Doenças Sexuais Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST)
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Avaliação: / 448
FracoBom 
Índice do artigo
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST)
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - SIDA
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - SÍFILIS
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - CANDIDÍASE
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - GONORREIA
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - HERPES GENITAIS
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - HEPATITE B
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - CHLAMYDIA
Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) - PAPILOMAVÍRUS HUMANO
Ver todas as páginas

SIDA

Definição: A SIDA (Síndrome de Imunodeficiência Adquirida) é uma doença provocada pelo vírus VIH (Vírus da Imunodeficiência Humana). Este vírus introduz-se no organismo humano, podendo permanecer “inactivo” (seropositivo), ou “activo”, destruindo o sistema imunitário da pessoa. Um indivíduo infectado com este vírus pode contrair e desenvolver infecções muito variadas ou mesmo certos tipos de cancro. A SIDA ainda não tem cura, sendo mesmo mortal. Actualmente é a 6ª causa de morte entre os jovens na América e Europa.

Sintomas: Apenas alguns desenvolvem, ao serem contagiados, os primeiros sintomas, muito parecidos com a gripe (febre, transpiração e debilidade geral) e em cerca de 30% dos casos verifica-se também um inchaço dos gânglios de pescoço, axilas e virilhas. Estes pacientes não associam este mal-estar com a SIDA, pensam que se trata de um forte resfriado ou esgotamento. Se o inchaço dura 3 meses, há uma grande probabilidade de essa pessoa ser portadora do vírus; perda de peso, alterações imunitárias, etc.

Prevenção: A forma mais segura para prevenir a infecção, é a abstinência. A única forma de prevenção no caso de relações sexuais é o uso correcto do preservativo.

Formas de contágio: Relações sexuais desprotegidas com portadores do vírus, sexo oral, transmissão ao feto pela mãe, tatuagens com agulhas não esterilizadas, seringas infectadas, objectos cortantes, escovas de dentes, sangue, sémen, secreção vaginal, leite materno, etc.

Formas de não contágio: Conviver social e profissionalmente, utilizar sanitários públicos, picadas de insectos, utilizar os mesmo talheres, brincar, tomar banho com portadores do vírus, beijar, abraçar, tocar, partilhar roupa, etc.



 

Comentar

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema, são publicados sem edição prévia e são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O administrador do site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários que:



- Forem escritos na sua totalidade em letras maiúsculas;

- Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;

- Sejam difamatórios, caluniosos, ofensivos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros;

- Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;

- Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.


Está a utilizar um telemóvel?Detectar Versão | Versão Móvel