Quantcast

Paris vai ter a maior horta urbana do mundo num telhado

Imagine que está no meio de uma cidade enorme e extensa como Paris, e no topo de um prédio, em vez de estar vazio como seria de esperar, encontra um espaço verde repleto de árvores, arbustos e trepadeiras que cultivam uma variedade de frutas e legumes.

Isto pode soar como um sonho, mas em breve tornar-se-á realidade em Paris, França, quando a maior horta orgânica do mundo num terraço estiver concluída.

A maior horta do mundo num terraço
Com 14 mil m2, a maior horta do mundo num terraço, no sudoeste de uma das cidades mais visitadas no mundo, terá aproximadamente o tamanho de dois campos de futebol.

A horta estará localizada no topo de um grande complexo de exposições no 15º bairro de Paris chamado Expo Porte de Versailles, e contará com o seu próprio restaurante e bar com capacidade para 300 pessoas. Os comensais poderão escolher os mais variados pratos com produtos cultivados na horta orgânica, enquanto desfrutam de uma vista panorâmica da capital Francesa.

Mais de trinta espécies de plantas diferentes serão cultivadas na horta, que produzirá uma tonelada de frutas da época por dia. A produção não será utilizada apenas para abastecer o restaurante, mas também estará disponível para os residentes locais.

Pascal Hardy é o fundador da empresa de agricultura urbana Agripolis, a empresa por trás deste projecto incrível que pretende melhorar a disponibilidade de alimentos para os residentes locais, ao mesmo tempo que torna a horta comercialmente viável e ambientalmente sustentável.

Uma forma de agricultura sustentável
O objectivo do projecto é tornar a horta num modelo reconhecido mundialmente para a produção sustentável. Utilizará tecnologia avançada da água e não irá requerer solo, o que permitirá que a horta utilize recursos de forma extremamente eficiente.

Leia também:  50 fotos famosas que mudaram o nosso mundo

Embora não seja a primeira horta num terraço, esta será inovadora de várias formas. A Agripolis vai lançar a sua própria técnica na agricultura vertical aeroponica. Não serão necessários pesticidas e a horta utilizará um sistema de água fechado que reduzirá o risco de poluentes. Além disso, como os produtos vão para as pessoas que vivem na imediações, a pegada de carbono da horta será significativamente menor que uma horta tradicional.

Os benefícios da agricultura urbana
As nossas refeições têm de percorrer muitos quilómetros para chegar à nossa mesa, o que tem um impacto significativo no meio ambiente. Quando são criadas hortas no coração dos centros urbanos, a distância que os alimentos necessitam percorrer é reduzida drasticamente, reduzindo assim a pegada de carbono das suas refeições.

As hortas urbanas exigem soluções exclusivas para problemas comuns, como a gestão de resíduos, espaço, gestão de recursos e eficiência energética. Isso resulta na criação de uma solução para os problemas, que leva a uma melhor qualidade e quantidade de alimentos enquanto são utilizados menor quantidade de recursos.

As hortas urbanas também trazem mais empregos para a comunidade, estimulam o crescimento económico, ajudam a construir comunidades e melhoram a saúde pública, tornando os alimentos saudáveis mais acessíveis às pessoas que vivem em centros urbanos. Estas hortas melhoram a qualidade dos alimentos disponíveis nessas áreas, bem como a segurança dos alimentos, fornecem espaços verdes necessários para arrefecer e limpar a atmosfera da cidade e equilibrar as emissões de carbono produzidas pela actividade humana.

Leia também:  O embuste das alterações climáticas COLAPSA à medida que novas pesquisas descobrem que a actividade humana tem praticamente zero impacto nas temperaturas globais

A agricultura urbana aproveita os espaços vazios anteriormente não utilizados, como os terraços que, em teoria, qualquer um deles poderia servir como um espaço para uma horta urbana.

A visão para o futuro
Quando esta horta abrir, oferecerá visitas educativas, espaços de formação de equipas e eventos especiais. Os residentes locais terão a oportunidade de arrendar as suas próprias hortas para ajudá-los a se reconectar com a origem dos alimentos.

Este projecto foi projectado para abrir em Abril de 2020, mas devido à pandemia COVID-19, sofreram atrasos e ainda não está aberta ao público.

0 0 VOTOS
Avaliação do artigo
🔥 Sugestões:

rickyunic

Um projecto com mais de 19 anos, onde apresento e abordo assuntos que me interessam a cada momento da vida. Desde humor, a saúde, passando pela tecnologia, a sexualidade e a espiritualidade. Tudo é válido neste espaço. Conto consigo para passar um bom momento a dois. Peace and Love. Carpe diem. Namastê.

Também poderá gostar de...

0 0 VOTOS
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários