Quantcast

7 formas de reduzir o cortisol do seu corpo

O cortisol, a hormona do stresse, é o inimigo nº 1 da nossa saúde. Os cientistas descobriram há vários anos que níveis elevados de cortisol interferem na aprendizagem e na memória, diminuem o sistema imunitário, a densidade óssea, aumenta o ganho de peso, a pressão arterial, o colesterol, as doenças cardíacas, etc. A lista é infinita.

Quando estamos stressados, o nosso corpo produz cortisol – um subproduto da programação evolutiva inata que é projectada para iniciar a acção e evitar o perigo. O cortisol, além da epinefrina, é uma hormona do stresse importante que desempenha uma variedade de funções. Na verdade, o cortisol ajuda a que nos mantenhamos vivos, mantendo a homeostase (equilíbrio) do nosso corpo. Ajuda a regular os níveis da pressão arterial, metabolismo, sistema imunitário, inflamação, funções cardíacas, vasos sanguíneos e a actividade do sistema nervoso central.

No entanto, níveis elevados de stresse podem fazer com que o nosso corpo produza esta hormona em excesso. Quando isso acontece, o corpo está sujeito a uma série de efeitos secundários indesejáveis, conforme vimos acima: pressão alta, ganho de peso, colesterol elevado, doenças cardíacas, ansiedade e depressão, danos no sistema imunitário e problemas cognitivos, como dificuldade de aprendizagem e memória.

Dito isto, é importante manter os níveis de cortisol estáveis.

 

7 formas de reduzir o cortisol do nosso corpo:

1. Faça algum exercício
O exercício ajuda em muitas coisas. Parece haver um novo estudo todas as semanas que relaciona a prática de exercício físico a benefícios para a saúde. De qualquer forma, fazer exercícios pode ajudar a reduzir o cortisol, libertando o stresse ou outras emoções reprimidas.

O medo aumenta o stresse, que por sua vez aumenta a produção de cortisol e, ao fazermos exercícios, construímos a nossa força, resiliência e autoconfiança, neutralizando efectivamente o medo e reduzindo os níveis de cortisol.

 2. Pratique mindfulness ou meditação
Qualquer tipo de meditação ou a prática de mindfulness pode reduzir os níveis de cortisol. Até mesmo alguma respirações profundas no meio de um dia agitado de trabalho podem reduzir a nossa ansiedade e stresse, o que também diminui a produção desta hormona.

Leia também:  Fidelização de clientes: O poder da confiança nas empresas modernas

Quando começar a se sentir stressado, respire fundo 10 a 15 vezes enquanto sente o corpo relaxar.

3. Conecte-se com outras pessoas
Cientistas da Universidade Johns Hopkins, descobriram uma ligação entre o isolamento social e o aumento de níveis de cortisol em ratos. Acredita-se que as pessoas com predisposição para doenças mentais que estão socialmente isoladas na adolescência correm mais risco de desenvolver comportamentos anormais mais tarde na vida.

Este estudo confirma o que muitos cientistas já sabiam: o vínculo humano é importante para a saúde física e mental em qualquer idade. Laços familiares, amizades e relacionamentos íntimos são benéficos para o stresse e, portanto, reduzem os níveis de cortisol.

4. Rir é o melhor remédio
Quantas vezes já ouvimos isso na nossas vidas? O Dr. William Fry, psiquiatra comportamental que estuda os efeitos do riso há mais de 30 anos, afirma que o riso está intimamente ligado a uma série de benefícios físicos e mentais.

Um desses benefícios é o efeito positivo sobre os níveis do cortisol. Estudos mostram que ter senso de humor, rir e leviandade são benéficos na redução dos níveis de cortisol e de outras hormonas do stresse.

5. Ouça música
Quase todos nós já testemunhámos as propriedades da música na melhoria do nosso humor. Há algo de especial em colocar uma música favorita e sentirmo-nos melhores. Mas há uma razão química para isso: a música aumenta o número de endorfinas (substâncias químicas para nos sentirmos bem) e reduz a quantidade de hormonas do stresse no cérebro.

6. Alimente-se saudavelmente
Alguns alimentos como os ovos, peixes, carnes magras, linhaça, frutas cítricas, frutas vermelhas e verduras podem ajudar a reduzir os níveis de cortisol.

Leia também:  Não consegue perder peso? Deixe de se preocupar!

Outra boa ideia para diminuir o stresse é comer 5 pequenas refeições por dia. Isso ajuda a afastar a fome e reduzir os desejos alimentares comuns que resultam de altos níveis de cortisol.

7. Durma o suficiente
Esta é relativamente simples de explicar. Não dormir o suficiente (7 a 9 horas por noite) produz uma resposta sistematicamente negativa do corpo. Temos tendência a ter problemas cognitivos e somos mais reactivos ao ambiente ao nosso redor – ambas as coisas são muito más para o stresse.

É importante estabelecer uma rotina de sono. Os especialistas do sono recomenda ir para a cama e acordar à mesma hora todos os dias, inclusive aos fins-de-semana. Também é importante reservar o quarto apenas para as actividades relacionadas com o sono. Por outras palavras, deve proibir a entrada de tablets, telefones ou computadores no quarto.

5 2 VOTOS
Avaliação do artigo
🔥 Sugestões:

rickyunic

Um projecto com mais de 19 anos, onde apresento e abordo assuntos que me interessam a cada momento da vida. Desde humor, a saúde, passando pela tecnologia, a sexualidade e a espiritualidade. Tudo é válido neste espaço. Conto consigo para passar um bom momento a dois. Peace and Love. Carpe diem. Namastê.

Também poderá gostar de...

5 2 VOTOS
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários