A pimenta preta é a “rainha” das especiarias, graças a estes 11 benefícios para a saúde

Photo by Pratiksha Mohanty on Unsplash
Partilha nas redes:
Tempo de leitura: 4 min.

A pimenta preta é uma especiaria popular utilizada em várias cozinhas ao redor do globo. Esta especiaria aromática oferece inúmeros benefícios para a saúde, incluindo a saúde do cérebro e do intestino.

A pimenta preta, também conhecida no Brasil como pimenta do reino, é uma das mais antigas especiarias mais conhecidas. O tempero tem um sabor forte e levemente picante que completa vários pratos. A pimenta preta é conhecida como a “rainha das especiarias”. É utilizada na medicina ayurvédica e contém compostos vegetais poderosos e vários benefícios.

É um tempero versátil
Como a pimenta preta tem um um calor subtil e sabor arrojado, é frequentemente utilizada para melhorar o sabor de muitos pratos, como por exemplo:
-Torrada de Abacate
-Legumes cozidos
-Molhos
-Peixe
-Carne
-Massa
-Saladas
-Ovos mexidos
-Sopas
-Fritos

Como tempero também complementa outros temperos saudáveis como o cardamomo, cominho, alho, casca de limão e açafrão.

É rica em antioxidantes
Os radicais livres são moléculas instáveis que causam danos às células. O corpo produz naturalmente alguns radicais livres quando são ingeridos alimentos. No entanto, radicais livres em excesso podem formar-se quando estamos expostos a fumo de cigarro ou poluição. Os dados causados pelos radicais livres podem causar sérios problemas de saúde, como alguns tipos de cancro, doenças cardíacas, inflamações e envelhecimento prematuro.

A piperina é o principal composto activo presente na pimenta preta. Estudos revelam que a piperina possui propriedades antioxidantes poderosas. Seguir uma dieta equilibrada e repleta de alimentos ricos em antioxidantes pode ajudar a evitar danos causados pelos radicais livres.

Tem propriedades anti-inflamatórias
A inflamação crónica é um factor subjacente para vários problemas, como a artrite, cancro, diabetes e doenças cardíacas. Vários estudos confirmam que a piperina pode ajudar a combater a inflamação.

Pode ajudar a prevenir o cancro
Os cientistas acreditam que a piperina pode possuir propriedades anti-cancerígenas. Vários estudos sugerem que a piperina pode retardar a proliferação de células do cancro da mama, cólon e próstata.

O composto vegetal também mostrou efeitos promissores, revertendo a resistência a múltiplos fármacos nas células cancerígenas, o que muitas vezes interfere na eficácia do tratamento quimioterápico.

Pode melhorar o controlo do açúcar no sangue
Os estudos mostram que a piperina pode aumentar o metabolismo do açúcar no sangue.

Num estudo publicado na revista Endrocrine, 86 participantes com excesso de peso que receberam um suplemento com piperina e outros compostos durante 8 semanas mostraram melhorias significativas na sensibilidade à insulina. A sensibilidade à insulina é uma medida de quão bem a insulina remove a glicose da corrente sanguínea.

Pode reduzir o apetite
Num pequeno estudo, os cientistas descobriram que o consumo de uma bebida à base de pimenta preta reduziu o apetite de 16 participantes adultos. O consumo de água com sabor não produziu o mesmo resultado.

Pode ajudar a baixar os níveis de colesterol
O colesterol alto está associado a um maior risco de desenvolver doenças cardíacas, a principal causa de morte em todo o mundo.
Os cientistas descobriram que a pimenta preta pode reduzir os níveis de colesterol em animais. Este tempero também pode ajudar a melhorar a absorção de suplementos para baixar o colesterol.

Pode aumentar a saúde do cérebro
Num estudo, os cientistas observaram que a piperina beneficiava pessoas com sintomas ligados a problemas degenerativos do cérebro, como Alzheimer e Parkinson.

Num outro estudo, os cientistas observaram que o extracto de piperina ajudou a minimizar a formação de placas amilóides. As placas amilóides são aglomerados densos de fragmentos proteicos prejudiciais associados a Alzheimer.

Pode melhorar a saúde intestinal
Um desequilibro na composição das boas e más bactérias intestinais está associado a doenças crónicas, comprometimento da função imunológica e muito mais. Estudos preliminares descobriram que a pimenta preta pode ajudar a aumentar as boas bactérias no seu intestino.

Pode ajudar a aumentar a absorção de nutrientes
A pimenta preta pode aumentar a absorção de nutrientes essenciais (por exemplo, cálcio e selénio) e compostos vegetais benéficos como os presentes no chá verde e açafrão.

Pode ser utilizada para alívio da dor
Estudos em animais mostraram que a piperina pode funcionar como um analgésico natural.

Para aproveitar estes benefícios de saúde comprovados cientificamente, cozinhe com pimenta preta e melhore a sua saúde intestinal.

Gostou deste artigo?

Clique nas estrelas para avaliar o artigo!

RELACIONADO:  92% da população mundial respira ar poluído

Classificação média / 5. Número de votos:

Como achou este artigo útil...

Siga-nos nas redes sociais!

Partilha nas redes:

rickyunic

Um projecto com mais de 15 anos, onde apresento e abordo assuntos que me interessam a cada momento da vida. Desde humor, a saúde, passando pela tecnologia, a sexualidade e a espiritualidade. Tudo é válido neste espaço. Conto consigo para passar um bom momento a dois. Peace and Love. Carpe diem. Namastê.

Também poderá gostar de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.